sexta-feira, 2 de maio de 2008

Poema




O teu nome está tatuado no meu peito
O teu aroma inebria todos os meus sentidos
A tua ternura envolve em fios de seda pura o meu corpo
A tua voz doce e sensual penetra no mais profundo do meu Ser
A tua beleza irradia em mim como o mais singelo dos arco-íris
A tua presença é a luz pura e cristalina que ilumina os meus dias...
Ma Coquinne...
És a Mulher que Amo na plenitude do meu Ser, de Corpo e Alma...


Escrevi este poema para a minha Coquinne, a Mulher que me preenche por completo... A Mulher que despertou no meu Ser a profundidade da Poesia... A Mulher que faz florescer a poesia na minha alma... És o meu Poema, Amo-te Coquinne...


E Tu, partilhas poesia com a pessoa que Amas, com a tua Alma Gémea?...


Entra no universo da poesia, ousadia, sensualidade...
Sente a magia da poesia...

3 comentários:

  1. Fadinha disse.


    Também fui inspirada por uma pessoa especial, as coisas mais simples encontram-se nela, a-amo muito e só atraves da poesia pude transmitir isso para ela.


    Visiti o meu Blog: fadaleilane.blogspot.com

    ResponderEliminar
  2. Este comentário foi removido por um gestor do blogue.

    ResponderEliminar
  3. VISITE: fadaleilane.blogspot.com

    ResponderEliminar